Quem somos

A Sementes da Terra é uma empresa especializada na seleção, beneficiamento e aplicação de sementes forrageiras, através da adoção das melhores tecnologias e práticas disponíveis no mercado. Unificamos produção e prestação de serviços de forma a oferecer ao produtor níveis elevados de efetividade e retorno para seu negócio agropecuário.

Missão

Ser a principal referência na produção e comercialização de sementes forrageiras de qualidade com base no desenvolvimento tecnológico para gerar maior rentabilidade ao produtor final.

Visão

Ser a líder regional na produção e comercialização de produtos de alta qualidade, alta produtividade e respeitando o meio ambiente.

Valores

Ética com o mercado, respeito ao meio ambiente, compromisso com nossos colaboradores e a sociedade, inovação na produção de nossos produtos.

Responsabilidade

Consolidada no mercado há 20 anos, a Sementes da Terra tem garantido a confiança dos produtores, os quais possuem maior satisfação por receberem informações técnicas para uma formação adequada de pastagens e uso do solo.

Qualidade

Produzir e distribuir sementes de forrageiras de alta qualidade que garantam pastagens produtivas gerando satisfação e rentabilidade à nossos clientes.

Tecnologia

Fatores que afetam a qualidade da semente. Pureza genética. Qualidade fisiológica (vigor e germinação).Qualidade física. Qualidade sanitária. Resultados da utilização da tecnologia para obtenção de sementes de alta qualidade.

Tecnologia na Produção de Sementes

Nossas sementes

Conheça nossa variedade de sementes gramíferas que temos para plantio.
Brachiaria

Brachiaria

Brachiaria brizantha CV Marandu

A forrageira Marandú é uma planta cespitosa, muito robusta de crescimento rápido, sendo ótima opção para pastejo rotacionado. Apresenta Tolerância a solos ácidos com baixo pH e altos níveis de alumínio tóxico, elevada produção de forragem, boa capacidade de rebrota, tolerância à seca, persistência, resistência à cigarrinha-das-pastagens e adapata-se bem a solos de média a alta fertilidade.

Xaraés MG-5

Xaraés MG-5

Brachiaria brizantha CV MG-5

Xaraés tem excelente desempenho no campo, cresce bem em solos de média fertilidade, resiste moderadamente ao ataque da cigarrinha, apresenta boa digestibilidade e rápida rebrota após o pastejo, leve tolerância a solos mal drenados. Essa forrageira não é recomendada para pastejo diferido.

Decumbens

Decumbens

Brachiaria Decubens Stapf CV Baselisk

A Brachiaria decumbens, é suscetível ao ataque de algumas espécies de cigarrinhas. Planta rústica, com boa adaptação e baixa exigência em fertilidade, têm bom rebrote e ótimo perfilhamento, o que possibilita bom recobrimento do solo. Sua tolerância à seca é alta.

Humidícola

Humidícola

Brachiaria humidicola (Rendle) Schweick

Brachiaria humídicola, ótima opção para solo sujeito a alagamento, porém o solo não pode estar muito úmido na sua formação somente após seu completo estabelecimento entorno de 120 dias do plantio. Pode ser pastejada por equínos, dificulta o crescimento de plantas invasoras e protege o solo contra erosão devido ao seu crescimento estolonífero.

Ruziziensis

Ruziziensis

Brachiaria ruziziensis

Muito utilizada como palha para plantio direto, principalmente da cultura da soja, devido a seu fácil estabelecimento, rápido crescimento e sua facilidade para dessecação. Essa planta se comporta bem em solos de fertilidade média a alta, tem razoável tolerância ao frio, baixa tolerância a umidade e média tolerância à seca.

Mombaça

Mombaça

Panicum maximum cv. mombaça

O capim-mombaça é conhecido mundialmente por sua alta produtividade e qualidade no entanto, esse capim é exigente em fertilidade do solo. O melhor manejo para essa pastagem é o rotacionado, mas não é indicado dias fixos com descanso e sim o pastejo e descanso de acordo com a altura da forragem.

Tanzânia

Tanzânia

Panicum Maximum cv Tanzania -1

Possui elevada produção de massa e bom valor nutritivo, com elevada resposta a adubação devido a sua exigência a fertilidade. Um dos principais problemas relacionados ao manejo do capim-tanzânia é o aumento da participação das hastes na produção de forragem, principalmente durante o período do florescimento.

Massai

Massai

Panicum maximum cv. massai

Essa forrageira demonstra baixa exigência a Fósforo e a tolerância a alumínio, e oa adapatação a situações de déficit hídrico. Boa resistência à cigarrinha das pastagens, suporta pastejo intensivo.

Miyagui

Miyagui

Panicum maximum cv. Miyagui

Grande produção de forragem. Folhas largas e compridas. Excelente aceitabilidade. Rebrota rápida e vigorosa. Recomendado para bovinos em fase de engorda e produção leiteira. Pode ser consumida por equinos e ovinos.

Fale Conosco

A Sementes da Terra quer saber sua opinião ou sugestão para melhorar ainda mais seus serviços. Você é a razão maior de buscarmos a cada dia a melhoria em nossos processos internos e externos. Com suas sugestões seremos melhores.
Endereço

Rua das Camélias, 831, Ribeirão do Onça | BR 381 - KM 163 Governador Valadares - MG | CEP 35001-970

Fone

33 3084-1792 | 33 99993-8686 | 33 99971-0031 | 33 99126-0011

Fale Conosco